Igualdade e Cidadania marcam debates na abertura da semana em comemoração ao Dia da Mulher

fazenda

As atividades acontecerão durante toda a semana; ministros, ministras e representantes de diversos outros órgãos do governo federal participaram da cerimônia de abertura nesta segunda (6/3)

Diversos ministérios iniciaram nesta semana uma série de ações promovidas pelo governo federal em comemoração ao Dia da Mulher, celebrado no próximo 8 de março.  As atividades acontecerão durante toda a semana.  Durante a abertura oficial, nesta segunda-feira (6/3), a ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck, afirmou que neste ano teve início um novo tempo para as mulheres, a fim de reverter o quadro de muita desigualdade que ainda existe. “Precisamos criar uma sociedade brasileira com organizações sãs e saudáveis, capazes de combater o racismo, o capacitismo, a homofobia e todo tipo de desigualdade”, afirmou.

A ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, ressaltou a importância de o governo destinar mais dinheiro do orçamento às políticas públicas para as mulheres: “A cara mais pobre desse país tem que deixar de ser a da mulher. Vamos dar as mãos para que essa realidade mude o mais rápido possível”.

Representando a ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, a secretária-executiva do orgão, Maria Helena Guaresi, lembrou que“o dia da mulher não é só dia de comemoração, mas um dia de reflexão e de posicionamento”. Segundo ela, o Ministério das Mulheres se reuniu com todos os órgãos do governo e 28 deles anunciarão ações concretas direcionadas às mulheres. “Esse governo, em todas as suas facetas, está pensando em ações para mudar a vida das mulheres, e é muito poderoso do ponto de vista das proposições a serem apresentadas”, salientou.